maio 17, 2009

Gorecki...


... Hoje, enquanto tentava dormir, uma vontade me invadiu...
... Vontade de à almofada me enlaçar e de a todo o custo, assim adormecer... Acompanhado por uma companhia enganosa.
Abracei-me então, fortemente... e por instantes um calafrio no fundo das encostas do meu corpo, senti, um deleite bem-estar... Um aperto imaginário, nunca me soubera tão bem, nunca fora tão consolador.

Depois daquele abraço pedi outro, ainda mais apertado, ainda mais estreitado... e a almofada assim me proporcionou de novo sentir... mesmo sendo uma mera ilusão, sentia-me bem, tão bem... Mas mesmo assim, mutilado, e imperfeito...

Supliquei um beijo á escuridão que se fazia, e novamente senti... mas esta era fria, pois toda a ardência do quarto, caíra sobre a roupa da cama, para me embalar nesta noite... para me fazer sentir que não estava de todo desacompanhado... assim como a roupa da cama se colava a meu corpo ansioso de sentir-te...
... Nas sombras da luz, reflectidas nas desnudas paredes do quarto tentava esculpir uma imagem... mas esta em vão pois só quando cerrava os olhos , te conseguia ver...

... Adormeci...
... E devaneei...
E lá estavas tu...
aguardando por mim...

Corri ao teu encontro, descontinuando apenas por meros segundos, tentando á distancia tua aparência ver... não vi teu rosto, mas senti que eras tu... e sem pensar duas vezes restitui o abraço ilusório que me deste...
Agora é a minha vez de te fazer sentir... de dividir contigo o poder, a energia de um gesto...

... Sentis-te?
... Não?

... sorridentemente acordei
... e na almofada me agarrei...

8 comentários:

Eu... disse...

Não senti, mas fiquei com vontade de sentir... ;)

O Proprio disse...

um dia sentirás com toda a certeza... não o meu abraço... mas o de alguem, certamente...

Anônimo disse...

Pena que vivas tão longe. Aposto que és alguém que vale a pena conhecer...

Pedro N. disse...

É mesmo uma pessoa que vale a pena conhecer...

drika_esmeraldinha disse...

de tantos anos nossa amizade e de tão pouco tempo teu talento veio ao de cima... talento inato que tens com um papel e uma caneta que quem lê consegue sentir sentimentos que por vezes nem sabemos que temos....
segue em frente não pares de escrever, tens talento tens paixão na escrita...

Anônimo disse...

talvez so agora tenhas tido a oportunidade de ver algo bem guardado em tempos... :P

Leninha disse...

alem teres uma escrita muita linda, palavras muito bem escolhidas.... isso sao momentos pelos quais todos nos passamos uma vez ou outra...cada um de noz se pode reconhecer nas tuas palavras. Muito lindo...


a almofada tem ca uma sorte looool
(tinha que ser hihi)

O Proprio disse...

ola leninha e obrigado pelo teu comentário :)

em relação à almofada no qual deito a cabeça todas as noites (quando esta não cai) deve estar sim é farta de me aturar... :S todos os dias cansa mesmo qualquer um looooool

em relação aos teus elogios, bem, muito obrigada, sabem sempre bem, e claro motivam-me a continuar :).

beijinho para a suiçeeee... :D